A pontuação do score não é fixa e pode variar diariamente. Ela é definida automaticamente, através de um calculo estatístico que se baseia nas informações que cada órgão (Serasa Experian, Boa vista, SPC, Banco Central e demais sistemas) possui sobre o consumidor. 

São nesses sistemas onde ficam armazenadas todas as suas informações cadastrais e comportamentais / financeiras relacionadas às compras via cartão de crédito, crediário em lojas, empréstimos, compra/financiamento de imóveis e veículos, utilização de cheque especial, regularidade dos pagamentos , grau de relacionamento com o mercado, número de serviços financeiros contratados, participação societária em empresas e outros fatores, que podem contribuir de forma positiva ou negativa na sua pontuação, como: 

  • Idade atual: quanto mais novo, menor será o histórico financeiro. Dessa forma, a avaliação não pode ser abrangente.
  • Região de moradia: Renda média por habitante e se eles são bons pagadores.
  • Histórico de compras: volume de compras / crediários abertos / contratos quitados / contratos
    em atraso;
  • Quantidade de protestos / negativação: Cheque sem fundos, Ações de busca e apreensão, Cheque emitidos sem fundo, etc;
  • Cartões de crédito; contratos ativos / quitados / em atraso
  • Renda presumida: porcentagem de renda comprometida / margem para utilização em
    contratos creditícios, etc
  • Cadastro Positivo: é inscrito ou não
  • Financiamentos: veículos, imóveis e etc. Contratos quitados, abertos ou em atraso.
  • Declaração de imposto de renda: atualização anual de ganhos/gastos e demais dados no sistema da receita federal.
  • Investimentos: existentes / contratados. Qual tipo?
  • Contas em banco: abertas / já fechadas.
  • Estado civil: se casado, o histórico financeiro do seu cônjuge também é levado em conta.
  • Participação em empresas falidas ou em recuperação judicial.

O que prejudica a pontuação do seu Score de Crédito?

Alguns fatores podem contribuir negativamente para sua pontuação do score de crédito. Dentre os mais relevante podemos listar: 

– Em algum momento você teve seu nome negativado; 

– Atrasou o pagamento de suas contas; 

– Não possui contas em seu nome, principalmente contas de consumo como água e luz; 

– Não possui bens em seu nome: nenhum veículo, imóvel ou semelhante; 

– Não possui renda declarada / comprovada; 

– Mudou de endereço e não atualizou os dados; 

– Tem participação em empresa falida ou em recuperação judicial; 

– Teve ou tem bens que estão sob ação de busca e apreensão; 

– Seu cônjuge possui CPF negativado; 

– Irregularidades no CPF; 

– Você mora com seus pais ou outras pessoas e, pelo menos, uma delas está com CPF negativado; 

– Utiliza constantemente o limite do cheque especial; 

– O endereço que consta em seu cadastro: Qual o score dos CPFs da mesma região? É um bairro de classe A, B, C, D ou E?


Lisana Pontes
Lisana Pontes

Sou apaixonada pelas possibilidades que o mundo digital nos oferece. Amo pesquisar, ler, explorar, experimentar e falar. Encontrei, aqui, um excelente lugar, onde eu posso "conversar" e compartilhar tudo que aprendo. O que me faz evoluir, crescer e aprender ainda mais.

Escrever um comentário

Seu email não aparecerá publicamente.