Cartão de Crédito Virtual – Vantagens e Desvantagens

Com a evolução digital e o crescimento das transações de compra e venda online, os bancos, administradoras e emissoras de cartões de crédito passaram a oferecer os cartões digitais. Essa modalidade de cartão tem o objetivo de garantir maior segurança na hora das compras pela internet, sendo uma excelente opção para quem ainda tem receio em compartilhar os dados do seu cartão de crédito em sites.


O que é o cartão de crédito virtual?

O cartão de crédito virtual é uma modalidade que substitui o cartão físico, aquele impresso em plástico, sendo específico para compras na internet, aplicativos, por telefone ou para pagamentos de assinaturas recorrentes. Ao optar por emitir um cartão de crédito virtual, você não estará obtendo uma nova linha de crédito. Esse cartão virtual funcionará, basicamente, como um cartão adicional sem custo, onde você poderá estabelecer o limite, desde que esteja dentro do limite do seu cartão tradicional e até mesmo a validade.

Ao realizar a solicitação do seu cartão virtual, esse será emitido com número, data de validade e código de segurança próprios, diferente dos dados impressos em seu cartão físico tradicional.

Vantagens do cartão de crédito virtual

A grande vantagem do cartão virtual é a segurança em poder realizar qualquer transação online, sem se preocupar com possíveis fraudes. Além disso, o cartão virtual não cobra anuidade ou taxa de manutenção, diferente do cartão fisico tradicional, e é bem simples de ser solicitado através do smartphone, sem precisar ir a uma agência física ou enviar documentos.


Com o cartão virtual você poderá comprar ou pagar despesas em sites nacionais e internacionais, assim como faria com seu cartão tradicional, sem a necessidade de estar com o cartão em mãos, controlando melhor os seus gastos, já que poderá escolher o quanto de limite disponibilizar, além de acompanhar todos os gastos através do aplicativo do seu banco..

Com solicitar um cartão de crédito virtual?

Cada instituição financeira e administradora de cartão possuem aplicativos e sites com sistemas exclusivos, onde você poderá solicitar o seu cartão de crédito virtual. Entretanto, a primeira coisa a saber é que para ter acesso ao cartão virtual, você precisa possuir um cartão de crédito físico tradicional.

A partir daí, você poderá acessar o site ou aplicativo do seu banco ou administradora do seu cartão e realizar a solicitação. Essa solicitação costuma ser bem simples, estando disponível no menu inicial da maioria dos sistemas das mais diversas instituições financeiras e administradores de cartões. Você só precisará fornecer alguns dados, incluindo os dados do cartão físico, que serão solicitados e pronto. Seu cartão virtual é gerado na hora e você já pode usar.

Diferença ente o cartão digital e cartão virtual

Por possuirem nomes com conceitos praticamente iguais, é muito comum que as pessoas confundam os cartões virtuais com os cartões digitais, ou até pensem que são a mesma coisa. Todavia, os serviços oferecidos são diferentes.

O cartão que é chamado de cartão de crédito digital é um cartão comum, físico, tal como o que você já tem do seu banco. A diferença do cartão de crédito digital para o tradicional está principalmente na forma de solicitar, que é toda online. Além disso, outra característica dos cartões digitais é a ausência de taxas de manutenção. Mas, a aparência e forma de utilização é a mesma do velho cartão com anuidade, solicitado na agência bancária.

Já o cartão virtual, é um recurso para fazer compras pela internet de forma mais segura. Ele possui um número diferente do cartão físico, assim como data de validade e código de segurança. Por existir apenas virtualmente, ele é gerado imediatamente pelo aplicativo, e pode ser apagado a qualquer momento.

Qual o limite do cartões virtual?

Como dito anteriormente, o cartão virtual é vinculado ao cartão físico e funciona como um cartão adicional, compartilhando o mesmo limite do cartão físico.

Desvantagens do cartão virtual

Apesar e tudo, o cartão virtual não é a solução perfeita e possui algumas desvantagens como a limitada disponibilidade, pois nem todas as instituições disponibilizam o produto. Além disso, seu uso, diferente do cartão físico, é limitado a ambiente virtual (internet, aplicativo, telefone) e nem sempre é o ideal para pagamentos de assinatura recorrente. Além disso, não são 100% imunes a fraudes, a não ser que você estipule o limite e validade para determinada compra que pretende fazer.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *