Portabilidade Bancária – Como Transferir Salário p/ Outro Banco

A portabilidade de salário é a possibilidade que todo cidadão tem de transferir o crédito salarial para outra instituição financeira. Para saber como funciona e como fazer a portabilidade, quem pode solicitar e esclarecer outras duvidas sobre o assunto, resolvemos escrever esse artigo. Se quer ficar por dentro, continue lendo.


Portabilidade de Salário – O que é?

A portabilidade de salário foi criada em 2006 pelo Conselho Monetário Nacional por meio da resolução 3402-06, ela implica na transferência do crédito salarial de um banco para outro.

Porque fazer a portabilidade salarial?

Muitas empresas já possuem contratos com determinados bancos, onde mantém a folha de pagamento dos seus funcionários. Com isso, o funcionário é obrigado a receber seu salário no banco contratado pela empresa. Desse modo, é aberta uma conta-salário pelo empregador, para que o funcionário possa receber seu ordenado. A conta-salário é muito limitada, sem nenhuma grande vantagem para o titular. Por esse motivo, muitas pessoas solicitam a portabilidade salarial. Onde passam a receber seu salário em outro tipo de conta, como conta corrente, em uma outra instituição financeira que lhe oferece mais benefícios e vantagens.


Quem pode solicitar a portabilidade de salário?

A portabilidade de salário pode ser solicitada por qualquer cliente que seja funcionário do setor público ou privado e receba seu salário por meio de crédito em conta.

Quanto custa a portabilidade de salário?

Nada. O serviço de transferir o recebimento do seu salário de um banco para outro é gratuito. A única taxa que você pagará é de abertura de conta, caso não possua conta aberta na instituição para qual deseja levar o seu salário.

O que devo levar em consideração na hora de escolher um novo banco?

Atualmente, muita coisa pode ser feita e resolvida através dos aplicativos de celular e do internet banking mas, apesar disso, a localização favorável da agência deve ser um ponto a ser levado em consideração. Afinal, para resolver alguns assuntos o atendimento presencial pode ser indispensável.

Ainda mais importante que a localização da agência de relacionamento do banco, é imprescindível verificar as tarifas cobradas pelas transações, pacotes de serviços e produtos oferecidos. Comparando-as com as do seu banco atual, isso pode fazer grande diferença no final das contas. Além disso, deve levar em consideração as vantagens oferecidas e ficar de olho em argumentos falsos, como a perda do tempo de conta, pois o tempos de relacionamento não é com o banco e sim com o sistema financeiro. Esta data vai continuar constando em seu talão de cheques. Hoje existe o cadastro positivo do Serasa e do Boa vista, onde você poderá editar seu perfil e melhorar seu score de crédito, fornecendo informações relevantes.

O banco pode se recusar a fazer a portabilidade de salário?

Não! O banco não pode se recusar a fazer a portabilidade de salário. Existe a necessidade de negociar a quitação de parcelas pendentes, caso haja dívidas de credito consignado, por exemplo, ou qualquer outra operação de crédito concedida pela instituição financeira.

O que é preciso para fazer a portabilidade de salário?

A portabilidade de salário deve ser formalizada através de uma solicitação, feita pelo titular da conta. Alguns bancos, já disponibilizam o arquivo em PDF para facilitar a vida do solicitante. São eles: Itaú, Santander, Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal. Caso deseje, poderá clicar no link do banco para o qual deseja levar o seu salário, baixar o arquivo e imprimir.

Como transferir meu salário de um banco para outro?

A solicitação de portabilidade de salário é um processo muito simples. O trabalhador que desejar fazer a portabilidade salarial, transferindo o recebimento do seu salário para outro banco, deverá seguir o passo a passo descrito abaixo.

Passo 1 – Escolha o banco para o qual deseja transferir o recebimento do seu salário. Não esqueça de comparar as tarifas e vantagens oferecidas.

Passo 2 – Com o número da agência e conta em mãos, preencha a solicitação de transferência de salário e/ou benefício.

Passo 3 – Vá até o banco da sua conta-salário atual, procure o setor responsável e informe o seu interesse na portabilidade de salário.

Passo 4 – Entregue a solicitação, já preenchida.

Passo 5 – Em até 5 dias úteis, seu pedido deverá ser atendido.

Observação importante: Essa solicitação também pode ser feita através de meios eletrônicos. Quando por escrito, deverá ser feita em duas vias, e o gerente deverá assinar e carimbar para comprovar o recebimento.

Com a portabilidade, a data do meu salário irá mudar? Quanto o salário ficará disponível na nova conta?

Não! A data do crédito do seu salário será mantida a mesma. A transferência do seu salário será automática, assim que creditado na sua conta, o banco deve transferir seu salário para conta informada na sua solicitação de transferência através de TED, até às 12h00.

A portabilidade de salário é definitiva ou precisarei fazer todo mês?

A solicitação de transferência de salário é definitiva, até que você faça uma nova solicitação de portabilidade para outra conta ou banco. Ela só precisará ser feita uma única vez. A partir de então, seu salário será sempre creditado na nova conta informada, sem a necessidade de fazer a mesma solicitação todos os meses.

Estou pagando um empréstimo ou financiamento, posso fazer a portabilidade de salário?

Sim. Mas, deverá quitar qualquer debito existente, junto ao banco atual: empréstimo, financiamento, arrendamento, etc. Para isso, deverá encontrar uma instituição que esteja disposta a comprar sua dívida no banco atual e além de fazer a portabilidade de salário, também fará a portabilidade de crédito. Caso você não deseje fazer a portabilidade de crédito, poderá manter o débito na antiga conta e a transferência automática será feita após o desconto do valor da prestação da operação de crédito devida.

Quais bancos podem fazer a portabilidade de salário?

Todas as instituições bancárias podem realizar a portabilidade de salário.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *